BELEZA

DUPLA INFALÍVEL NO COMBATE À FLACIDEZ18/02/19

Flacidez é a líder das queixas entre os pacientes

Além de acne, manchas e rugas, o que reina na lista de queixas dos meus pacientes é a f-l-a-c-i-d-e-z , tanto na face como no corpo.

O problema começa a ser notado a partir dos 30 anos, idade em que o colágeno passa a ser degradado de forma mais intensa e gradual, cerca de 1% a cada ano. Para se ter noção, ao chegar nos 50, essa queda na produção de colágeno e elastina se acentua para até 35%! É importante dizer que, além do processo natural de envelhecimento e da predisposição genética, outros fatores podem acelerar o surgimento da flacidez, como a falta de hidratação cutânea, a exposição cumulativa aos raios solares e o estiramento excessivo da pele - seja por uma gravidez, por oscilações de peso ou pela fase de crescimento.

Agora, o que todo mundo quer saber: como tratar, de forma eficaz, a pele flácida?

Felizmente, existem vários tratamentos eficazes para prevenir e combater a flacidez!  Uma combinação poderosa que eu gosto muito de propor em consultório é do ultrassom micro e macrofocado (Ultraformer III) com um bioestimulador de colágeno (Sculptra® ou Radiesse®).

Ambos os tratamentos têm como principal objetivo o estímulo à produção de colágeno em camadas profundas e a melhora gradual da tônus da pele. O Ultraformer III emite energia e  calor a uma temperatura de 65,4 ° C na área tratada, provocando uma intensa remodelação e estímulo à produção de colágeno na derme. Já os bioestimuladores - Sculptra® ou Radiesse® - são substâncias sintéticas injetadas abaixo da pele que provoca uma reação inflamatória local, também estimulando a neocolagênese pelo organismo. Assim, quando associados, estes dois tratamentos dão um boom de colágeno na pele, melhorando de forma ainda mais evidente a firmeza e a sustentação dos tecidos.

 

TATHYA TARANTO (COLORAÇÃO ESPECIAL)

FOTOS: DIVULGAÇÃO



COMPARTILHE A MATÉRIA


COMENTÁRIOS




MENSAGEM




FACEBOOK